CIABA encerra Período de Adaptação com entregas de Platinas.

coluna "Convés Principal" CLC Ricardo Monteiro

Oficiais da EFOMM juntamente com os Adaptadores e os novos Alunos do 1º Ano do CIABA.

O “Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar” (CIABA), tradicional “Universidade do Mar”, realizou no último dia 28 de Janeiro a Cerimônia de Encerramento do Período de Adaptação 2022, com os recebimentos das Platinas e entrega de Prêmios àqueles que se destacaram.
Os 125 candidatos que encerraram a Adaptação foram agora matriculados como Alunos do curso de “Formação de Oficiais da Marinha Mercante” (EFOMM), fazendo parte do 1º Ano Básico. São 76 homens e 44 mulheres brasileiros, além de cinco estrangeiros das Repúblicas de Cabo Verde e Angola que cumprirão os 3 anos do Período Escolar e 1 ano de Praticagem para serem declarados Oficiais e seguirem carreira na Marinha Mercante.
O Período de Adaptação teve a duração de 3 semanas, sendo iniciado em 10 de Janeiro. O propósito foi de preparar os Adaptandos para as atividades a serem desenvolvidas durante o Ciclo Escolar da EFOMM e do “Núcleo de Formação de Oficiais da Reserva da Marinha” (NFORM). Em virtude da situação epidemiológica vivida no País, a Cerimônia foi restrita aos envolvidos na realização do evento, seguindo os protocolos das autoridades sanitárias. (Fotos e contribuição:
Assessoria de Comunicação Social – CIABA).

Entrega de Prêmios aos candidatos que se destacaram no Período de Adaptação 2022.

Alunos se destacaram em “Conhecimentos de Astronomia aplicados à Navegação”.

Conforme a foto, os Alunos Prestes, Carvalho, Angelis e Uchoa, todos da Turma “Drakkar” que recentemente se formaram em dezembro de 2021, ao lado de uma das grandes expressões da Marinha Mercante Brasileira, o Capitão de Longo Curso José Menezes Filho.
Esses quatro, então Alunos na época, obtiveram as maiores notas em conhecimentos de Astronomia
aplicados à Navegação, disciplina extraclasse ministrada pelo CLC Menezes. Pelo interesse dos Alunos do CIABA em conhecerem um pouco mais sobre Navegação Astronômica, pode-se imaginar que o Planetário “Leal Ferreira”, recém-inaugurado naquele Centro, será muito procurado.

CLC Menezes ao lado dos hoje Praticantes Prestes, Carvalho, Angelis e Uchoa.

Momentos históricos: gripe espanhola x covid.

A coluna informa uma notícia histórica, com foto, e que faz link com a pandemia presente: gripe espanhola x covid. Em dezembro de 1919, quatorze tripulantes do navio “Ayuruoca” faleceram após contrair a gripe espanhola, que se tornou pandemia na época, tal qual vivemos hoje. A embarcação se encontrava no porto de Philadelphia, nos Estados Unidos.

O navio era do tipo a vapor, de 142,8 metros de comprimento e 17,8 metros de boca, arqueação bruta 6.782 e líquida 4.254, construído na Alemanha, pertencendo a Companhia de Navegação Lloyd Brasileiro, com sede no Rio de Janeiro (RJ).  A Marinha Mercante Brasileira tem seus momentos históricos e, em toda a sua história, jamais interrompeu suas atividades nos períodos de pandemia, tal qual vivemos atualmente, assim como a Marinha do Brasil não parou e ainda ajuda no combate aos vírus letal Covid-19.
Parabéns aos marinheiros de guerra e mercante!

Tripulação do navio “Ayuruoca” – dezembro de 2019

Aniversariante de 29 de Janeiro – CLC Di Renna.

Aniversariou no último dia 29 de Janeiro, o Capitão de Longo Curso e Comodoro da Marinha Mercante
Paulo Cesar Souza Di Renna.
Ele é Bacharel em Ciências Náuticas, tendo o “Curso de Política e Estratégias Marítimas” (C-PEM) da
“Escola de Guerra Naval” (EGN). Detentor de várias condecorações e homenagens, também é Acadêmico Titular da “Academia Brasileira de Medalhística Militar” (Abrammil).
Feliz aniversário, Comandante Di Renna. Muita paz, saúde, fé e esperança!

Capitão de Longo Curso Di Renna.

Aniversariante de 30 de Janeiro – Sra. Marisa Araújo.

Aniversariou no último dia 30 de Janeiro, a ilustre Embaixadora do Turismo do Rio de Janeiro, jornalista, turismóloga e empresaria Marisa Araújo. Ela que gerencia a rádio “Marujo” e a revista “Absolute Rio”.
Feliz aniversário, Marisa. Muita paz, saúde, fé e esperança!

Embaixadora Marisa Araújo

RUMO CERTO.

O Capitão de Longo Curso José Menezes Filho vibrou com as matérias ao lado do seu amigo Rogério Figueiró. Já prestando serviços em terra, Figueiró foi Diretor/Chefe direto do CLC Menezes.

Alguns Praticantes da Turma “Atlante”, formados em Dezembro de 2020, já estão no seu segundo Período de Praticagem. Ao final serão declarados 2º Oficiais, seja de Náutica ou de Máquinas.

O Capitão de Longo Curso Patrick Telles, juntamente com sua Tripulação, conseguiu a aprovação do navio na inspeção da Guarda Costeira Americana (USCG). Recebeu muitos elogios de seus colegas do mar.

Um Praticante de Náutica a bordo do NT “André Rebouças” deverá terminar seu Período de Praticagem nessa Unidade. Estará recebendo, simbolicamente, as Platinas de 2º Oficial.

O Capitão do Exército Renato Rodrigues, agora na reserva, continua prestado seus serviços, agora como civil, à gloriosa força terrestre do Brasil.

O Capitão de Longo Curso Francisco Cesar Monteiro Gondar realizou importante palestra para jovens e adolescentes, no último final de semana, sobre Marinha Mercante.

Capitão de Longo Curso Moreira Neto sentiu saudades dos idos de 1984, quando leu a matéria sobre o término do Período de Adaptação dos novos Alunos da EFOMM.

O jornalista Cattete deu pontapé inicial para importante matéria a bordo de um navio mercante. Projeto esse bem aceito pela Edição da Rede TV.

O Capitão de Mar e Guerra (RM1) Aristide de Carvalho Neto é Coaching e dá boas dicas em seu canal do youtube. Recomendo assistir.

O irmão José Cândido deu um belo show na última reunião do Rotary Club Satélite Vésper, ao descrever cada um dos membros. Ele é uma referência em ajuda humanitária, assim como o Club.

NAVEGANDO

O colunista já se preparando para o próximo embarque. Antes disso, cumprirá quarentena de 3 a 5 dias, conforme normas da “Agência de Vigilância Sanitária” (Anvisa) em vigor, fins garantir que não tenha se contaminado com Covid-19 durante o traslado. Contudo, a coluna continuará nos seus dias de publicações, mesmo em alto mar.

Os marítimos continuam na expectativa das análises dos vetos do Presidente da República pelo Congresso Nacional. Um deles diz respeito à quantidade de trabalhadores que devem atuar nas embarcações. O texto aprovado na Câmara previa que 2/3 dos tripulantes nas embarcações deveriam ser de brasileiros.

Em sua justificativa, o Presidente afirmou: “geraria aumento dos custos para as embarcações, o que reduziria a atratividade para que um quantitativo maior de embarcações estrangeiras de baixo custo pudesse aderir ao Programa e operar no país”. “Embarcações de baixo custo” é o que está escrito. Imagina o nível do que vem pela frente. Poderá representar problemas.

As companhias de cruzeiros e seus associados decidiram estender por mais 14 dias a suspensão das operações nos portos brasileiros, prevista agora para se encerrar em 18 de Fevereiro de 2022. Cinco navios de passageiros dessa temporada, iniciado em novembro de 2021, se encontram fundeados no porto de Santos, preparados para a retomada assim que forem autorizados.

A Marinha do Brasil, através dos militares que servem na Capitania dos Portos do Estado de Pernambuco (CPPE) realizaram no período de 17 a 20 de Janeiro, estudos no Simulador de Manobras da Universidade de São Paulo (USP), sendo feitas as manobras no porto de Suape (PE), bem como no Tanque de Provas Numéricas (TPN).

A “Academia da Força Aérea” (AFA) realizou no dia 24 de Janeiro o primeiro voo de instrução da Turma “Anúbis”, do 4º Esquadrão do Corpo de Cadetes da Aeronáutica (CCAer), a bordo dos novos T-27M, entregues recentemente a essa instituição pelo Parque de Material Aeronáutico de Lagoa Santa (PAMA-LS).

As manchas de óleo que apareceram recentemente nas praias cearenses estão sendo investigadas pelos
professores do Instituto de Ciências do Mar (Labomar) da Universidade Federal do Ceará (UFC) e da Universidade Estadual do Ceará (UECE). A inspeção técnica é para saber se as manchas são da mesma origem das surgidas em 2019, no litoral da Região Nordeste.

Após 21 dias de comissão, o “Aspirantex-2022” foi encerrado em 27 de Janeiro. Nesse período foram realizadas mais de 20 operações, além de ter contribuído para que os Aspirantes da Escola Naval experimentassem a vida no
mar.

O Rio Pará recebeu importante exercício operativo. O Navio de Apoio Oceânico (NApOc) “Iguatemi”, subordinado ao Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Norte, realizou entre os dias 19 e 21 de Janeiro exercícios com aeronaves, manobrabilidades e adestramento de sua tripulação, tendo também o apoio do Navio-Patrulha (NPa) “Guanabara”.

Vídeo circula nos meios sociais sobre o naufrágio de um empurrador no Rio Negro, quando conduzia balsa contendo passageiros e veículos, que ficou a deriva no meio do rio. Segundo consta nesse vídeo, a travessia ocorria de Careiro para Manaus, deixando todos a bordo assustados. Não houve feridos ou óbitos. (RM).

FONTE: (CCP)(RM) ricardo.monteirobr@hotmail.com

Por (LCN) Seguir no Twitter o site: @luiscelsoborges

luiscelsoborges@hotmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios