A PRESENÇA DAS MULHERES NA FAB

Força Aérea Brasileira

Seja nas aeronaves, nas pistas, nos hangares, nas escolas de formação, nos hospitais, nas torres de controle de tráfego aéreo, nas unidades administrativas, nas coberturas jornalísticas, no esporte, entre outras atividades, as mulheres, militares e civis, estão cada vez mais presentes na Força Aérea Brasileira (FAB). São mais quatro décadas que oficiais e graduadas acumulam muitas vitórias e fazem história na Aeronáutica.

O ingresso das mulheres na Força, como parte do efetivo, ocorreu a partir dos anos 80. Na ocasião, viu-se a necessidade de ampliar o contingente e, por isso, foram realizados estudos para a inclusão da mulher como militar na Força.

Em novembro de 2020 pela primeira vez, uma militar do corpo feminino da FAB foi promovida ao Posto de Oficial-General da FAB.

No dia 8 de março de 2022, o Dia Internacional da Mulher foi comemorado nas Organizações Militares da Guarnição de Aeronáutica de Belém, em homenagem às militares e funcionárias civis das suas unidades.

INGRESSO – As mulheres podem ingressar na Força Aérea por meio das escolas de formação de Oficiais e Sargento. Todos os exames de seleção, independentemente da escolaridade exigida, obedecem às seguintes etapas: prova teórica, exame de aptidão psicológica, teste de avaliação do condicionamento físico, inspeção de saúde e, em alguns concursos, prova de títulos e prova prática.

Atualmente estão abertos editais para militares de carreira, de diversas especialidades, com inscrições até o dia 23 de março de 2022. Informações no site:   www.fab.mil.br/ingresso

Fonte: ACS/ICOMAR

Por (LCN) @luiscelsoborges

luiscelsoborges@hotmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios