PRATICAGEM DO BRASIL INAUGURA CENTRO DE SIMULAÇÕES EM BRASÍLIA

Simulador de passadiço permite simular manobras de navios em todos os portos, além de avaliar a segurança e eficiência de novos projetos e operações portuárias

A Praticagem do Brasil inaugura, na terça-feira (14/12), o seu centro de simulações de manobras em Brasília. O espaço oferece o que há de mais moderno em simulador de passadiço para manobras de navios e foi implantado em parceria com o Tanque de Provas Numérico da Universidade de São Paulo (TPN-USP), referência internacional em simulações.

O centro de treinamento e avaliação aquaviária está instalado a poucos minutos da Praça dos Três Poderes. A localização favorece a vinda para treinamento de práticos de todo o Brasil, além do acompanhamento técnico de projetos pelas entidades reguladoras das atividades marítimas e portuárias, como a Marinha do Brasil, a Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) e o Ministério da Infraestrutura.

O campo de visão do passadiço, de aproximadamente 290 graus, é formado por 14 telas de 65 polegadas, sendo três traseiras. O modelo matemático, o mesmo adotado no TPN-USP, reproduz fielmente a ação de ondas, ventos, correntes e marés, além de efeitos hidrodinâmicos que afetam a manobrabilidade das embarcações.

– Adotamos a solução de telas verticais, em linha com os novos simuladores do mundo. Estamos no estado da arte em ambientação e realismo das manobras – diz o professor Eduardo Tannuri, do TPN-USP, responsável técnico pelo projeto.

As facilidades permitem simular com precisão qualquer tipo de manobra, além de situações específicas que não são possíveis no dia a dia, pelo risco envolvido. Também podem ser simuladas operações como aumento no porte de embarcações, novas rotas fluviais e implantação de terminais marítimos. Todos esses estudos para validação de projetos contam com a participação de práticosem função da sua expertise na condução e manobra de navios em áreas restritas e do conhecimento das características das águas em que atuam.

– Fomos além de um simples centro de treinamento, oferecendo facilidades de engenharia que permitem avaliar acessos aquaviários, implantação de novos terminais e operação com navios maiores. Este conceito, de estar próximo das autoridades que decidem sobre os projetos, é único no mundo e certamente trará mais agilidade, como na concessão de um terminal. Quando você está dentro de um simulador, vendo a praticagem manobrar, é muito mais fácil enxergar como melhorar o desempenho operacional de um porto sem abrir mão da segurança, e debater as melhores opções. Certamente, teremos discussões de alto nível em prol do desenvolvimento portuário – afirma o presidente da Praticagem do Brasil, prático Ricardo Falcão.

Fonte: praticagemdobrasil.org.br/imprensa

Por (LCN) @luiscelsonews

luiscelsosoborges@hotmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios