Atletas do Programa Olímpico da Marinha são homenageados por atuação nos Jogos Olímpicos de Tóquio

Centro de Comunicação Social da Marinha do Brasil

Atletas do PROLIM que participaram das Olimpíadas de Tóquio receberam os cumprimentos do Comandante da Marinha

Atletas do Programa Olímpico da Marinha (PROLIM) que participaram dos Jogos Olímpicos de Tóquio receberam, no dia 25 de agosto, os cumprimentos do Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos. O ato ocorreu no Centro de Educação Física Almirante Adalberto Nunes (CEFAN) e contou com a presença do Comandante-Geral do Corpo de Fuzileiros Navais, Almirante de Esquadra (FN) Jorge Armando Nery Soares.
A solenidade teve início com uma palestra proferida pelo Comandante do CEFAN, Contra-Almirante (FN) Elson Luiz de Oliveira Góis, que destacou a Organização Militar (OM) como centro de referência em treinamento olímpico e paralímpico e mencionou a recente certificação da OM como Instituição de Ciência e Tecnologia. O Almirante Góis também falou sobre os Projetos Sociais e de Base, como o Programa Forças no Esporte (Profesp), que atende, atualmente, 520 crianças e jovens na unidade, no contraturno escolar.
O Comandante da Marinha elogiou a atuação do CEFAN em suas diversas vertentes e parabenizou os atletas pelo desempenho nos Jogos Olímpicos.
O CEFAN é só alegria: alegria pelo desenvolvimento tecnológico, alegria pela inclusão social, pelos resultados comprovados nos programas de alto rendimento e vocês, nossos atletas militares, estão aqui para provar isso. Estou muito feliz com este encontro. Os senhores e senhoras trazem muito orgulho para a minha, a sua, a nossa Marinha do Brasil. Seu esforço e sua dedicação servem de inspiração para todos nós”, ressaltou.
Representantes do atletismo, do boxe, do judô, do levantamento de peso olímpico, da maratona aquática, do pentatlo moderno, dos saltos ornamentais, do taekwondo, da vela, do vôlei de praia e do wrestling foram homenageados. Cinco dos seis medalhistas das Olimpíadas de Tóquio estiveram presentes ao evento: os Terceiros-Sargentos Alison dos Santos (atletismo); Beatriz Ferreira e Hebert Conceição (boxe); Daniel Cargnin (judô); e Ana Marcela Cunha (maratona aquática).
O Brasil alcançou sua marca histórica em Jogos Olímpicos, conquistando 21 medalhas, sendo sete de ouro, seis de prata e oito de bronze, garantindo a 12ª colocação no ranking geral dos países. Das medalhas obtidas pelo Brasil, seis foram conquistadas por atletas do PROLIM, sendo três de ouro, uma de prata e duas de bronze.
Fonte: Centro de Comunicação Social da Marinha
Via (LCN) @luiscelsoborges – luiscelsoborges@hotmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios