CIABA REALIZA CERIMÔNIA ALUSIVA AO 41º ANIVERSÁRIO DO INGRESSO DAS MULHERES NAS FILEIRAS DA MARINHA DO BRASIL.

Coluna - CLC Ricardo Monteiro

Comandante e representantes do Corpo Feminino do CIABA no plantio do Ipê Rosa.

No dia 07 de julho 2021, o “Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar” (CIABA)
realizou cerimônia alusiva ao 41º Aniversário do Ingresso das Mulheres nas fileiras da
Marinha do Brasil.
A data remete à criação do Corpo Auxiliar Feminino da Reserva, ocorrido em 07 de julho
de 1980, por iniciativa do então Ministro da Marinha, Almirante de Esquadra Maximiano
Eduardo da Silva Fonseca. Pioneira, a Marinha do Brasil foi a primeira entre as Forças
Armadas brasileiras a admitir mulheres em seu efetivo. Desde então, a data histórica
entrou para o calendário marinheiro, sendo celebrada nacionalmente.
O evento contou com a participação do Corpo Feminino de Oficiais e Praças do CIABA,
além de representação de alunas da Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante
(EFOMM). Em homenagem à data, foi plantada uma muda de Ipê Rosa próximo ao Mastro
da Bandeira. Na ocasião, também foi lida a Ordem do Dia do Diretor-Geral do Pessoal da
Marinha referente à data.
Em virtude da situação epidemiológica atual, o evento foi restrito ao público interno e
teve a participação apenas do pessoal diretamente envolvido.

Fonte: Assessoria de Comunicação Social – CIABA.

TRIBUNAL MARÍTIMO
CANCELA 236 REBs.

Desde quarta-feira (30/06), 236 Registros Especial
Brasileiro (REB) foram cancelados, por
determinação do Tribunal Marítimo (TM).
A Portaria Nº 28/TM/2021 determinou a anulação
dos documentos, emitidos antes de 2013 e sem a
devida renovação, solicitada pelo próprio Tribunal
há quase dois anos.
“Antes não havia prazo de validade para o REB.
Agora, há, de cinco anos. Por isso, anunciamos a
necessidade da renovação e quem não cumpriu,
teve o registro cancelado”, explica o Juiz-Presidente
do Tribunal Marítimo, Vice Almirante Wilson Pereira
de Lima Filho.

Fonte: Portos e Navios

NAVIO HAIDAR – SERVIÇO DE SOLTURA DO FUNDO DO
RIO PARÁ, EM BARCARENA, É CONCLUÍDO.

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) concluiu o serviço de soltura
do navio MV “Haidar” (naufragado em 2015) do fundo do Rio Pará, no porto de Vila do Conde,
em Barcarena, no Pará.
Essa é uma das ações realizadas para retirar a embarcação do trecho, com o objetivo de
restaurar as condições de trafegabilidade no local.
Com a estrutura descolada do fundo do rio, a Autarquia se prepara para executar as próximas
etapas de reflutuação do navio: primeiro um deslocamento de cerca de 10 metros, para retirar a
embarcação das proximidades do píer, em seguida a verticalização do navio e, por fim, o
deslocamento final para posicionar a estrutura definitivamente.
Quando afundou em 06 de Outubro de 2015, o navio Haidar, de bandeira libanesa, transportava
cinco mil bois vivos e 700 toneladas de óleo. Com a retirada da estrutura do berço 302 do porto
de Vila do Conde, será possível ampliar a quantidade de embarcações que utilizam o local.
O trabalho das equipes da Autarquia para soltar a estrutura começou em fevereiro deste ano. O
DNIT atuou em conjunto com a Marinha do Brasil, a Secretaria de Meio Ambiente do Pará
(Semas), a Companhia Docas do Pará (CDP) e a Capitania dos Portos, a fim de obter
autorização para que o trabalho fosse feito de acordo com as legislações ambientais, portuárias
e de segurança do trabalho.
O plano de controle ambiental para a flutuação da embarcação e segurança ambiental da
operação foi aprovado pela Semas no final de 2020 e a autorização foi concedida pela Marinha
em fevereiro deste ano.

Fonte: Coordenação-Geral de Comunicação Social – DNIT.

NAVEGANDO

Continua confirmada a 40ª Cerimônia da “Abrammil” (Academia Brasileira de Medalhística Militar) para 27 de
Agosto de 2021 no Clube de Aeronáutica, no Rio de Janeiro. No evento serão comemorados o 14º Aniversário de
Fundação da Abrammil, Ascensão e Posse de Acadêmicos, Posse da Diretoria e Conselhos da Abrammil, além da
entrega de condecorações a personalidades civis e militares. Com certeza absoluta será uma bela Cerimônia.
Muitos Oficiais da Marinha Mercante já foram condecorados pela Abrammil, entre eles o CLC Gondar, CLC
Hildelene e este colunista. Estamos na expectativa que nessa Cerimônia possamos ter representante da MM
homenageado. Voltaremos com mais detalhe posteriormente.
Para conhecerem as Medalhas e Condecorações da “Abrammil”, acesse o site www.abrammil.com.br e na aba
“Diretoria de Medalhística” poderão consultar o histórico de criação de cada uma delas.
O Oficial Superior de Máquinas Temístocles Duarte da Cruz agora é só sorriso. Nasceu sua filha Pietra em 1º de
Julho de 2021, no Hospital Adventista de Belém, cuja mãe é a Sra. Ana Sheila Marque Monteiro. A princesinha já
tem a nobre missão de carregar o sal e a mensagem do mar para a consagração da família. Felicidades a nobre
família.
A Marinha Polonesa lutou com grande distinção ao lado dos demais navios aliados em muitas importantes e bemsucedidas operações, incluindo a ação contra o “Bismarck”, um navio de guerra alemão. Na véspera da guerra, a
maioria dos navios poloneses foi enviada para as ilhas britânicas. A Alemanha invadiu a Polônia em 1º de
Setembro de 1939.
No Atlântico Sul, a Marinha do Brasil patrulhou nossas águas da “Amazônia Azul” contra os submarinos inimigos,
protegendo os comboios dos navios mercantes, garantindo o abastecimento do nosso país. Bravamente nossa
soberania e integração foram defendidas pelos homens do mar que, com coragem e convicção, dispuseram a
enfrentar um inimigo perigoso e mortal. Viva a Marinha do Brasil!
Agradeço as retribuições das mensagens das Tenentes Ohana (Assessoria de Comunicação Social do Comando do
4} Distrito Naval) e Laysa (Assessoria de Comunicação Social do CIABA) por ocasião do envio das congratulações
pelo 41º Aniversário do Ingresso da Mulher na Marinha do Brasil, comemorado no último dia 07 de Julho. Gentes
de fina educação é outra coisa.
Aliás, a Marinha do Brasil foi a pioneira no ingresso das mulheres nas Forças Armadas. O Almirante de Esquadra
Maximiano Eduardo da Silva Fonseca, então Ministro de Estado da Marinha propôs a criação do “Corpo Auxiliar
Feminino da Reserva da Marinha”, sendo promulgada a Lei Nº 6.807 de 07 de Julho de 1980.
Na área do Comando do 4º Distrito Naval, diversas mulheres integram os quadros e funções de nossa briosa
Marinha. Atualmente o “Hospital Naval de Belém” (HNBe) tem como Diretora a Capitão de Mar e Guerra (MD)
Mônica Medeiro Luna, de grande competência e dinamismo. Sua passagem nessa importante OM está sendo
marcada pelas ações de combate a Covid-19. Na área médica, sua especialidade é Cardiologia e Medicina
Aeroespacial.
O desempenho eficiente das mulheres foi conseguido com honra, trabalho, suor e coragem. Entusiasmada com a
confiança nelas depositadas, faz com que a Marinha do Brasil se sinta recompensada pela iniciativa pioneira do
aproveitamento militar da mulher brasileira.
Governo projeta aprovação do PL da Cabotagem abrindo portas para “BR dos Rios”. Expectativa é que texto da
“BR do Mar” volte à pauta do Senado na volta do recesso parlamentar e seja aprovado até final deste ano.
Segundo o Minfra, programa semelhante para navegação interior está em estágio avançado.
Os armadores internacionais exauriram o mercado de navios de contêineres, na competição para adquirir
tonelagem e se protegerem das crescentes taxas de afretamento.
Reunião do CDFMM decidiu sobre R$ 1,5 bilhão em prioridades. Maior parte dos recursos analisados na 47ª
Sessão Ordinária realizada na última semana corresponde a reapresentações e suplementações para projetos da
indústria naval. Entre eles, R$ 1,4 bilhão de suplemento para construção de um estaleiro.
Conversa com o nosso amigo CLC Menezes atualizaram os dados deste colunista. Muitas informações sobre a
história da Marinha do Brasil e Marinha Mercante Brasileira foram repassadas. Ele sem dúvida nenhuma tem um
acervo riquíssimo sobre nossos antepassados. O Comandante realizou diversas viagens para o Japão e outros
países a bordo dos nossos antigos VLCC’s, dentre eles o Cairú e José Bonifácio.
(RM).

(CLN) @luiscelsoborges

luiscelsoborges@hotmail.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios